O maior erro Odontológico que um dentista pode cometer

Compartilhe:
Erros na Odontologia

Todo dentista preza por sua credibilidade, cuida para que sua reputação, sua imagem e sua vida profissional seja boa, coerente, verdadeira. Esse é o principal motivador de tantos cursos, especializações, pós graduações e investimentos tanto em conhecimento quanto em estrutura física. Todo profissional cuida para não cometer erros. Isso faz parte da própria sobrevivência profissional. Acontece que grande parte se atenta para prevenção de erros clínicos, mas saiba que um erro não pode ser negligenciado nunca: o erro na gestão profissional.

Quem não se atenta para a gestão está fadado a realizar 30 a 40% do seu potencial. Digo potencial financeiro, dos ganhos mensais, e também potencial de qualidade de vida, pois a gestão profissional permite liberdades de horários e tempo raros hoje em dia. Poucos profissionais podem escolher se querem trabalhar até mais cedo, ou mesmo só a tarde. Poucos podem abrir mão das sextas feiras e, se quiser, mudar para as segundas, ou quartas…

Esse potencial, tanto de ganhos, quanto de qualidade de vida somente serão verdade em sua vida se você souber gestão e não cometer o maior erro odontológico que qualquer dentista pode cometer: não ser o dono do próprio destino.

Dentistas que não dominam gestão ganham menos, trabalham mais, estão sempre com poucas ou nenhuma reserva financeira e vivem em uma corda bamba quando o assunto é ganhos futuros. Se o dentista não sabe gestão ele não consegue prever o que receberá daqui um, dois ou seis meses. Isso é terrível.

Muitos problemas, dúvidas e inseguranças acometem dentistas simplesmente por causa da ignorância gerencial. Quando esse dentista aumenta sua carga de trabalho sofre com sua saúde ou precisa abrir mão da família, dos amigos. Se abre mão de horas de trabalho perde dinheiro. Afinal, como achar o ponto de equilíbrio?

Primeiramente é preciso saber onde se quer chegar, quais são os objetivos de vida, carreira, família. Depois disso o dentista precisa de conhecimento de gestão para entender “como” tornar esse desejo realidade.

Se você quer aprender uma nova técnica odontológica, é normal que você procure um curso para isso, leia livros, artigos e converse com pessoas que já estão atuando com essa técnica que te interessa. Com gestão deve ser a mesma coisa: para aprender você precisa sim de cursos, ler e conversar com pessoas afins. Parece lógico isso, certo?

Então entenda definitivamente que se você ainda não assumiu o controle da sua vida, o que acontece com você nesse exato momento é apenas o reflexo disso. Para melhorar, mudar ou assumir esse controle você precisa se atentar para a importância da gestão da sua vida.

Zeca pagodinho eternizou a frase “…deixa a vida me levar, vida leva eu…” Por mais que ele tenha a imagem pública de “desencanado” e até “boêmio”, saiba que ele tem um grande conhecimento gerencial, não toma decisões aleatoriamente e não vai a um programa sem objetivo. O nível de conhecimento dele já está tão desenvolvido que ele aprendeu a gerenciar essa imagem. Ninguém tem sucesso ou bons resultados por acaso. Do contrário “viver no boteco fazendo música e tomando uma” deixaria todo mundo rico, e não é isso que acontece na vida real.

Para entender um pouco mais sobre essa conversa aplicada à Odontologia, leia ESSE ARTIGO sobre Marketing Odontológico e Relacionamento com Clientes.

 

Um abraço,

Weder Carneiro.

Deixe seu comentário:

 

Compartilhe:

 

Faça download gratuito do livro