Como Aumentar os Ganhos na Odontologia?

Compartilhe:

O ano de 2018 já da sinais de que será o melhor ano para a Odontologia dos últimos 10 anos. No início de janeiro era unânime as previsões positivas para setores de: emprego, renda, crescimento da economia e, destacadamente, prestação de serviço. Já no último dia 19 de fevereiro o boletim Focus, um dos mais respeitados relatórios sobre economia no Brasil, divulgou a opinião dos 100 maiores economistas para o ano de 2018. O relatório revisou as projeções brasileiras, mostrando que os principais indicadores de crescimento da economia foram revisados para cima. Ou seja: mais crescimento econômico. A revisão otimista para a economia se deu porque o cenário de conturbação política não foi suficiente para freiar o crescimento econômico. Mesmo sobre turbulências políticas a economia cresceu acima do previsto em janeiro e na primeira quinzena de fevereiro. Conclusão: se você é dentista esse é o melhor momento para aproveitar para ganhar mais em 2018. Esse artigo vai ajudar você a entender como fazer isso.

2018 será o melhor ano para Odontologia dos últimos 10

Agora para aproveitar essa onda e colher os benefícios precisamos entender de vez o que faz diferença na percepção de valor dos clientes, dominar as rédeas do consultório e trabalhar focado em gerar lucro. A boa notícia é que gerar lucro no consultório é mais fácil do que muitos imaginam: basta seguir os indicadores certos e não perder tempo com mais nada. O crescimento financeiro do profissional em odontologia precisa deixar de ser percebido como “sorte” ou “oportunidade” e passar a ser encarado como “resultado de boas escolhas e conhecimento sobre gestão e marketing”. A verdade é que existem procedimentos básicos em odontologia, que precisam ser entendidos por todo dentista que deseja alcançar o sucesso profissional, estabilidade financeira e, obviamente, a tranquilidade para o futuro. Da mesma forma que um procedimento ortodôntico, cirúrgico ou restaurador precisam ser executados respeitando princípios biológicos, mecânicos e fisiológicos, hoje temos uma certeza: existem princípios de gestão e marketing que aumentam (muito), a previsibilidade financeira em odontologia. Por outro lado, também identificamos comportamentos que são nocivos profissionalmente. Esse é nosso principal divisor de águas sobre marketing e gestão em odontologia.

 

 

 

  • Estruturação Financeira Básica:

 

– O que é: Esse é o momento em que o dentista organiza sua vida financeira pessoal, tendo como maior referência os ganhos profissionais já existentes. Ou seja, adequar gastos pessoais ao ganho atual.

 

– Como se faz: mapear todos os gastos pessoais e reduzir tudo aquilo que for supérfluo ou desnecessário (você terá grandes surpresas aqui). Assim, mesmo que seus ganhos estejam pequenos ainda, você também estará gastando menos do que antes. Repetir o processo, mas agora focando na sua vida profissional: reduza todos os gastos profissionais, dos mais complexos aos mais básicos, como água, telefone, luz, etc. Essa combinação de redução de gastos pessoais e profissionais vai gerar uma economia média de 35%

Obs: esses 35% serão fundamentais na próxima etapa.

 

– Benefícios: os principais são redução de gastos e sobras financeiras no final do mês. Menos estresse e preocupações também são relatos comuns.

 

 

  • Aumento dos Ganhos e Equilíbrio do Tempo:

 

– O que é: Esse é o momento em que o dentista que já passou pelo passo 1 vai investir em sua estrutura profissional: aqui estamos falando em várias possibilidades, como uma especialização, novos cursos de atualização, estruturação física do consultório/clínica e investimento em infra estrutura de atendimento

 

– Como se faz: Se o dentista seguiu o passo 1 tanto a sua vida profissional está organizada, quanto está sobrando algum dinheiro. Esse é o momento de começar a fazer investimentos na vida profissional para aumentar sua qualificação e estrutura de atendimento. O importante é: nunca comprometa 100% do seu dinheiro ou faça investimentos para pagar com a renda extra que se espera gerar com ele.

OBS: Cresça com seus próprios pés e não assumindo dívidas.

 

– Benefícios: A maioria dos dentistas que não veem aumento nos ganhos ao longo do tempo são aqueles que: entram em especializações sem terem evidências próprias de que é uma boa oportunidade para ele mesmo, ou aqueles que vão comprando novidades e mais equipamentos por impulso, em feiras e congressos, para só depois darem um jeito de pagar. Se o dentista seguiu o passo 1 suas compras e investimentos estarão sendo guiadas pela percepção de organização do passo 1, e também pelo dinheiro extra que esse mesmo passo gerou.

 

 

  • Geração de Renda Passiva:

 

– O que é: É o momento em que o dentista começa a gerar renda passiva (dinheiro), a partir de investimentos que ele mesmo direciona e escolhe.

 

– Como se faz: Se o dentista seguiu os passos 1 e 2, normalmente agora ele estará ganhando 2 a 3 vezes mais do que antes. Esse dinheiro extra precisa ser gerenciado para que não venha a se tornar um problema futuro. Todos sabem que a previdência não terá capacidade de manter os ganhos atuais do dentista durante sua aposentadoria. Isso torna necessário que o dentista gere fontes seguras de renda passiva (dinheiro que se ganha sem trabalhar, geralmente por investimentos). Assim a recomendação é que, pelo menos, 40% dessa renda adicional que o dentista está tendo agora, seja direcionada para investimentos.

 

– Benefícios: 10 entre 10 economistas recomendam que as pessoas façam investimentos para o futuro. As projeções são muito seguras e podem garantir rendas extras de R$ 20.000,00 (vinte mil Reais), após 15 anos de investimentos. Essa será a sua “aposentadoria” e vai garantir tranquilidade financeira futura.

 

 

  • Colheita de Ganhos:

 

– O que é: É o momento em que o dentista passa a contar com a renda passiva gerada pelos investimentos que produziu na sua fase mais ativa.

 

– Como se faz: É simples: aqui você terá uma bolada mensal que será fruto dos seus próprios investimentos. Isso dará a oportunidade de vários outros benefícios: redução da carga de trabalho diária, focar e atuar somente nas áreas que você realmente gosta, ter muito tempo livre sem se comprometer financeiramente e, ao final das contas, poderá mesmo se aposentar ou se dedicar a viajar ou qualquer plano de vida que você sempre quis.

 

Se você é um dentista que precisa de boas ideias para criar atrair clientes e fidelizar aqueles que você deseja, clique no link abaixo e complemente seu conhecimento com essas dicas especialmente separadas para vc.

Lembre-se de deixar sua opinião e compartilhar tb. Valeu?

 

 

Deixe seu comentário:

 

Compartilhe:

 

Faça download gratuito do livro